Comemorar sempre aumenta a auto-estima

É tão bom comemorar a última prestação do carro, 20 anos de casados, a formatura universitária, o primeiro emprego. São conquistas que merecem ser festejadas, afinal, um grande obstáculo foi deixado para trás. As simples vitórias do dia-a-dia, como ser elogiado pelo chefe, ceder o espaço para alguém no ônibus, fazer a pessoa que tanto gosta feliz, enfim, pequenos sucessos que ajudam a motivar o indivíduo  também devem ser celebrados.

Aqui vão algumas dicas para você aprender a festejar o que é pequeno, no entanto, tão importante quanto as datas especiais. Para quem deseja ter sucesso, todas as conquistas são especiais.

Todas as ações afirmativas devem ser feitas com consciência crítica. Quando se valoriza o que se faz, mas com os pés no chão, fica-se mais aberto a novas tentativas, seja para melhorar, fazer diferente, se superar ou pela satisfação de tentar novamente. Isso também contagia as pessoas que estão a sua volta, pois você passa a encarar os seus passos como aprendizado e amadurecimento. Em longo prazo, a comemoração faz você ser percebido como alguém que agrega valor e contribui para os resultados e objetivos que todos buscam. A medida que isso acontece, é olhar para trás e se lembrar de cada passinho que foi dado para chegar até a conquista e isso é muito bom. Só quem andou todo o caminho sabe o valor de cada passo.

E a sensação de dever cumprido é ainda mais forte quando a meta demora e se realizar. Mas quando chegamos ao final, só pelo fato de não ter desistido, é motivo de comemorar e sentir-se campeão.

Deve estar atento para perceber as vitórias a serem comemoradas. Por questões culturais, valorizamos demasiadamente o que vivenciamos de ruim e informamos ao cérebro que somos incapazes de fazer diferente ou melhor, afirma. Ou se aprende agradecer o que se tem e a transformar cada momento num verdadeiro aprendizado, ou estará fadado a viver sempre de lamúria. Viver pode ser uma escolha agradável e divertida,

9 DICAS PARA FESTEJAR A FESTA EM QUALQUER VITÓRIA:

1- Acreditar, sem duvidar, que somos o resultado de pequenas e constantes evoluções diárias; mais ou menos como perder peso.

2- Realizar um balanço diário de cada dia, resgatando pontos de superação, como evitar brigas desnecessárias ou dar um pequeno avanço na aula de seu hobby favorito.

3- Tomar consciência sobre a importância das suas obras, da sua vida, para a sustentabilidade de todos a sua volta.

4- As comemorações, ou os “registros” de avanços devem ser feitos com naturalidade e sempre.

5- É possível escolher um ou mais temas e estimular pequenas metas, comemorando quando forem atingidas.

6- Estabelecer uma forma de presentear-se (a cada número fixo de conquistas, ou período) com presentes simbólicos ou materiais, mantendo uma coerência.

7- Vibre com os pequenos avanços e demonstre que isso é ser bem-sucedido: parar é muito mais fácil do que avançar.

8- Faça um brinde com a sua equipe e com um discurso de agradecimento. Pode parecer antiquado, mas agradecer a quem colabora nunca sairá de moda.

9- Se somos capazes de ter pequenas conquistas, elas podem ser ampliadas, isso diminui nossa ansiedade. É comemorando que aprendemos a comemorar, portanto, é se valorizando que aprendemos a nos valorizar.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *