Dicas de Economia para o período de férias

DICAS DE ECONOMIA PARA AS FÉRIAS

Julho é o período de férias, alguns cuidados com orçamento necessários para evitar rombos no orçamento familiar.

Quem pretende ficar na cidade, a opção:

1ª Dica: Procure fazer programas de passeios alternativos, com menos gasto, uma opção visitar museus, parques públicos, clubes de afinidade, teatros públicos, dentre outros. Verifique o cronograma de atividades disponíveis na secretaria de turismo, lazer, esporte e cultura de sua cidade, no período das férias geralmente existem muitas atividades gratuitas as crianças e adolescentes.

2ª Dica: Faça uma sessão pipoca em sua residência, locar filmes durante a semana, além de mais barato, atende um número maior de pessoas da família, além da importante interação familiar.

3ª Dica: Para quem mora em condomínios estimular brincadeiras, como jogos de tabuleiro, outra opção é a criação de biblioteca, os pais podem doar ou emprestar livros, provocando uma interação entre as crianças e incentiva a leitura. Outra opção os condôminos podem contratar um contador de histórias.

4ª Dica: Se pretende levar os filhos no shopping, combine o que pode ou não gastar, de preferência saiam alimentados da residência e se for ao cinema, faça a opção pelas sessões com desconto durante a semana.

5ª Dica: Recebendo visitas em casa, estabeleça regras e dê limites, explique sua situação financeira, evite desperdícios de água, telefone e outros.

6ª Dica: Cuidado para não estourar as contas telefônicas coloque bloqueadores para telefones celulares ou faça a opção por chips de operadoras em promoção.
Quem pretende viajar:

7ª Dica: Em caso de viagens, fazer um planejamento do que pode gastar, protele algumas contas no cartão de crédito, estabeleça roteiros para economizar combustível, lembre-se de levar somente o necessário na bagagem, pois, a cada 50 kg de peso representam 1% de consumo a mais de combustível. Você economiza no bolso e auxilia o meio ambiente.

8ª Dica: Viagens com retorno no mesmo dia procure comprar alguns produtos em supermercados, para pequenos lanches e evite o desperdício. Na praia ou represa leve comida de casa. Em parques e zoológicos, uma opção é o piquenique.

9ª Dica: Ao viajar detalhe todas as despesas convencionais, coloquem tudo no papel e não tenha surpresas. Se o orçamento está apertado e existe a vontade de viajar, faça um empréstimo (é mais barato que utilizar o cartão de crédito). Procure destinos compatíveis com a sua renda.

10ª Dica: Ao buscar um hotel nas viagens, prefira aqueles que tenham diversão, playground, piscina, quadra e outros, para economizar.

11ª Dica: Em viagens as crianças querem comprar tudo pela frente, estabeleça limites antes de sair ou negocie com a criança o que pode e o quanto pode comprar.

12ª Dica: Deixe uma reserva para imprevistos de no mínimo de 10%, como quebra de veículos ou outros.

13ª Dica: Para reduzir despesas no frigobar do hotel, compre alguns produtos no supermercado ou padaria. Em visita a eventos e shows, procure gastar nas barraquinhas.

14ª Dica: Para veículos procure utilizar a marcha mais adequada, fazer revisão do automóvel, bem como a troca de filtros, pneus calibrados e motor regulado podem representar uma economia mínima de 4% até 40% dependendo do tipo e ano do veículo. A velocidade é outro fator que pode provocar economia, nas cidades 40 km onda verde e nas estradas 80 km, portanto programe seu passeio, faça um planejamento do tempo e economize. Evite a pressa, afinal você deve aproveitar os dias de passeio.
Boas férias! Lembre-se planejar sempre é a melhor opção.

 

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *