Drible os problemas comuns a cada esporte

Quem joga tênis força a região lombar coluna e a cintura. Para evitar problemas, uma boa opção é a musculação para reforçar a musculatura abdominal, cintura pélvica e lombar. Em caso de complicação, pare o treino por pelo menos dois meses.

A lesão no joelho é muito comum no futebol. Invista em exercícios para a musculatura das pernas e, em caso de entorse, trate com medicamentos e reabilitação.

No vôlei, a cortada força os ombros e membros superiores. Já a queda mal posicionada pode afetar os tornozelos. Pode-se, para esse esporte reforçar a musculatura da escápula combinada com um bom trabalho de alongamento e relaxamento. Na fase mais aguda trate com compressa gelada e fisioterapia.

Os nadadores devem ter cuidado com infecções auditivas. Ideal será o uso de protetores auriculares. Se a otite aparecer, só mesmo os antibióticos podem resolver.

Ao correr, o maior risco de lesão é a pisar em falso, prejudicando o tornozelo. Alongamento e tênis adequados, com amortecimento e até com correção da pisada podem melhorar o desempenho. Se o pior ocorrer, interrompa os treinos e procure um ortopedista.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *