Dicas de primeiros socorros

Em caso de ataque epiléptico, coloque a vítima de lado para evitar sufocamento, solte fivelas e botões, retire objetos próximos, não ponha a mão na boca da pessoa nem tente segurar a língua. Não jogue água nem dê tapas na cara da vitima, e, caso o ataque perdure mais que cinco minutos, chame o resgate.

Para mordida de cachorro, lave a ferida com água e sabão, não dê pontos e mesmo que o cachorro seja vacinado procure um posto de saúde para tomar vacinas anti-rábica e antitetânica.

Com picadas de abelha, retire cuidadosamente o ferrão. Se não puder tirar com facilidade não mexa. Dê compressas geladas para diminuir a dor. O incomodo dura cerca de 30 minutos. Caso haja reação alérgica, a vítima deve ser levada ao hospital. Picada na boca é caso de emergência porque o inchaço pode obstruir a garganta.

No caso de queda de criança, dê compressa gelada no local para reduzir a dor. Em caso de sangramento pressione a região com gaze. Em caso de suspeita de alguma fratura, imobilize a região e leve a criança ao hospital.

Nos cortes onde houver sangramento, deite a vitima e mantenha o membro machucado na altura do coração. Pressione a região com gaze ou um pano limpo. Caso a hemorragia não cesse procure um pronto socorro.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *