Como escolher a gravata adequadamente

Deixe sempre uma folga de um dedo no colarinho para não ficar muito apertado.

O tamanho limite ideal é dois centímetros acima da fivela do cinto, pois gravatas curtas demais passam a impressão de que a pessoa é mais gorda. Jamais a prenda na calça.

Pesquise para saber as tendências em cores mas dê preferência a cores sóbrias, listradas, com bolinhas e estampadas com desenhos curtos e discretos.

Evite motivos florais e bichinhos engraçados. Não compre as muito finas, as de crochê e de ponta quadrada.

Prefira as de largura padrão (cerca de nove centímetros), ou um pouco mais estreitas.

Para demonstrar uma aparência mais sóbria procure por peças com quadradinhos ou bolinhas, que combinam com qualquer tipo de terno.

Quanto a cor escolha as de fundo neutro, do mesmo tom do paletó, procurando sempre criar uma harmonia.

Procure evitar os contrastes: gravatas de seda não combinam com roupas de algodão, o mesmo vale para camisa casual e gravata social e o seu inverso.

No inverno procure pelas versões de lã, que combinam bem com camisas de tecido quente.

9 Comments

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *